WANDERLEI SILVA VENCE POR NOCAUTE

03/03/2013 12:47

 

A Saitama Arena, em Tóquio, estava lotada na noite desta sábado (2), para assistir as lutas do UFC Japão, que tinha como atração principal do card a luta entre Wanderlei Silva e o americano Brian Stann.

A noite também contou com boas lutas, sempre com a presença de, ao menos, um atleta oriental. No primeiro embate do card principal, o sul coreano Dong Hyun Kim enfrentou o afegão Siyar Bahadurzada. Mais contundente e dominando a luta no solo Hyun Kim não teve dificuldades para derrotar seu oponente, por decisão unânime dos juízes, por pontos. Na sequência o brasileiro Rani Yahya bateu de frente contra o japonês Mizuto Hiroto. Muito superior no chão e obrigando seu adversário a ficar os três rounds em uma posição desagradável, Rani levou mais um vitória para o cartel, por decisão unânime dos juízes. O cubano Hector Lombardi subiu ao octógono para lutar contra Yushin Okami, apesar de possuir golpes mais potentes o cubano teve dificuldade de acertar o japonês graças a grande diferença em envergadura. Em uma luta equilibrada os juízes deram a vitória para o japonês Okami. Takanori Gomi, veterano do Pride, enfrentou o vencedor do primeiro TUF americano, Diego Sanchez em um combate equilibrado. Conseguindo conectar mais golpes e demonstrando mais agressividade, o americano ficou com a vitória, também em uma decisão por pontos.

Antes da luta principal da noite, Mark Hunt enfrentou o gigante holandês, Stefan Struve. A diferença de alcance fez com que Hunt adquirisse uma postura mais agressiva frente a seu adversário. Após conectar um bom gancho de direita no terceiro round, Mark Hunt liquidou a fatura e levou Strufe para a lona, vencendo por nocaute.

No combate mais aguardado da noite, Wanderlei Silva enfrentou Brian Stann. O brasileiro vem de derrota por pontos para Rich Franklin em janeiro de 2012, em evento realizado em Belo Horizonte. Desde que voltou ao UFC, em 2007, o brasileiro acumula cinco derrotas e apenas três vitórias no octógono. Mas parece que a Saitama arena deu sorte ao “Cachorro Louco” que fez uma excelente performance lembrando seus tempos de Pride. Utilizando sempre muita agressividade Wanderlei levou o veterano de guerra americano para a lona com uma bela sequência de socos no começo do segundo round.

—————

Voltar



Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!